sexta-feira, setembro 23, 2005

OH YEAH!

...e não é que a Revista Visão fez uma reportagem do bar mais cool da cidade do Porto e arredores!

4 comentários:

Rodrigues de Freitas disse...

QUE CAMBADA DE PARVALHÕES!
Radio
ESTAÇÃO: Rua de Miragaia - junto à alfândega do Porto - FREQUÊNCIA: 167.0 EMISSOR: sem consumo obrigatório - HORÀRIO: todas as terças a Sábado
Sexta-feira, Setembro 23, 2005
OH YEAH!
...e não é que a Revista Visão fez uma reportagem do bar mais cool da cidade do Porto e arredores!
posted by Dr. Mini Snacks at 3:58 PM 0 comments

Quarta-feira, Setembro 21, 2005
Quando as Mulheres dominam os Pratos!



Na Quinta à noite vão estar no RADIO, não uma mas duas Mulheres a pôr música e elas são as:

DOUBLE J`S

As Joanas prometem um som de grande diversão!
O convite esta feito!
posted by Dr. Mini Snacks at 1:43 PM 5 comments

Terça-feira, Setembro 20, 2005
Pet hates




Ódios de estimação são os que não são totalmente explicáveis por razões conscientes ou racionais. Todos temos uma boa meia dúzia de bandas/músicos que detestamos, porque os achamos pretensiosos, azeiteiros, aldrabões, sobrevalorizados, chungas, com a mania que são bons, ou simplesmente porque sim. Em geral não se limitam a cometer péssimos discos, têm uma atitude que só por si os torna dignos de uma cuspidela no olho, de que lhes vomitemos em cima e de que chamemos o futuro-ex-vereador Paulo Morais para os despejar das proximidades.

Arriscando porrada com alguns escribas da casa, o meu top-10-shit (do momento) é:

10 - Muse (quem lhe cortou os tomates não podia também ter cortado as cordas vocais?)
9 - Marylin Manson (proto-gótico com a mania que é mau)
8 - Ryan Adams (um par de estaladas e um pente zero, a ver se não lhe passavam os tiques de puto rebelde)
7 - Pink Floyd (alguém os avise de que além de terem nascido sem pedir, também já morreram)
6 - Bjork (foi você que pediu uma islandesa gorda e histérica? eu não)
5 - U2 (fónix, já não bastava chamar-se "bono vox" e andar a marchar de bandeirinha em riste, agora tira fotos com o cherne!)
4 - Oasis (mas afinal há mesmo alguém que goste deles?)
3 - Pearl Jam (metaleiros, azeiteiros e chatos como o raio... e a rapaziada curte!! Alguém me explica?)
2 - Doors (os reis da pompa, os mestres do vazio, o imperador da baboseira! 'bora curtir pró cemitério!!)
1 - Beatles (obladi oblada? ielosubmarine? "Fab four"? os reis da pop? poupem-me...)

Quero sentir o vosso fel.
posted by ZR at 12:45 AM 31 comments

Segunda-feira, Setembro 19, 2005
Police on my back



No passado dia 17 o estimado Radio foi visitado por dois destemidos policias tendo por base uma queixa do som estar muito alto. Apenas se limitaram a cumprir o seu dever e nem sequer quiseram ver a licença do bar. Inspirado por esta visita surpresa, decidi elaborar uma lista de canções dedicadas às autoridades. Cá vai disto:

Clash / Eddy Grant - "Police on my back"
Clash / Junior Murvin - "Police & Thieves"
Clash / Dead Kennedys - "I Fought The Law"
Spiritualized - "Cop Shoot Cop" (existe uma banda com o mesmo nome)
N.W.A - "Fuck The Police"
Body Count - "Cop Killer"
Parkinsons - "Smoking Joints In The Cops Face"
Mudhoney - "Hate The Police"
posted by eduardo at 2:43 PM 6 comments

Sexta-feira, Setembro 16, 2005
In Memoriam
This weekend, Radio proudly presents:


sexta, 16 Setembro. Ritcher Overdrive. rock n dance roll for souls on fire!
sábado 17 Setembro. War of The Blogs: Atari666 Vs. Mouco. romance trance endurance france and rock n dance n roll

Note: Before each dj set there will be one minute silence in memoriam of Hervé Villechaise, actor most knwon in the role of Tattoo of "Fantasy Island Series" and the sheep in the camel scene in "Conan, the Barbarian". He leaves wife Gizmo and son, Chuky, the evil Doll. He will be sadly missed.

posted by Ricardo Salazar at 3:48 PM 2 comments

A Nanicopeia ou a Anãoníada: A Princesa Mogway
Tattoo fez amor algumas vezes, quando tinha dinheiro, mas só amou verdadeiramente uma vez: a vítima foi Gizmo, a /o Princesa / Príncipe Gremlim.

Por Tattoo correr perigo de deportação para a ilha do Papillon, aquando do seu despedimento da ilha da fantasia, casaram em 19 de Abril de 1977, na Torre norte do Linhó, onde Gismo estava detida por tráfico de estupfacientes hospitalares.





Foto de Noivado
Em 1987, depois de Tattoo ter estado a cumprir quatro anos de pena em custóias por tráfico de estupfacientes hospitalares, Gizmo deu à luz o primeiro e único filho do casal.

Fotos do Parto
Nasceram três bébes. Gizmo comeu um e tattoo substitui o seu testiculo com o outro.


Os três bebés pré-aborto-retro

O que restou foi baptizado como Chuckie, em homenagem à Avó materna e tem problemas de adaptação. Os progenitores dizem que é por se tratar de um artista, como a mãe. Actualmente, sem contrato, por ter morto o produtor do seu último filme: "Chuckie 76: ser egg ou não quem nasceu primeiro?", encontra-se a cumprir pena no Linhó.


Chuckie, ontem.

posted by Ricardo Salazar at 1:43 PM 7 comments

A Nanicopeia ou a Anãoníada: Os Adversários
O grande arqui-inimigo de Tattoo foi Mr. T aka B.A. Barracus. Aqui o vemos, durante o combate telecinético de Agosto de 1992. Ficou 22- 20. Tattoo ficou com toda a África Austral, a espada flamejante de Zordor e o anel do poder n º 7, que lhe permitia ficar invisível nas casas de balho das mulheres enquanto estivesse a limpar.



posted by Ricardo Salazar at 1:30 PM 1 comments

Is the motherführer back?



IS THE FÜCKER BACK?

posted by Ayatollah_Baloni at 11:54 AM 6 comments

A Nanicopeia ou a Anãoníada: Os anos formadouros





Cavalgaram durante 14 dias. Ao décimo quinto o pónei de Hérve caiu exausto. Passados mais quinze dias, carregando o pónei às costas para fazerem bifanas, chegaram a Constantinopla. Recusaram-lhes a entrada por causa do cheiro do pónei e de Hervé. Climi invoca Godzilla que arrasa a cidade. Os aldeãos só voltarão quando esta se chamar Istambul. Continuam para este.
Passados mais quinze dias, Hervé enfrenta uma cobra piton de doze metros. A luta é sufocante mas o nosso herói liberta-se zigzagueando entre o recto e o pescoço do animal. A batalha termina não porém sem vítimas: o testículo esquerdo cede.
Terá que ser amputado irremediavelmente. Climi apenas tem uma garrafa de dão. Hervé bebe a garrafa de golada, climi quebra-a e avança para os tin tins ( expressão que iria ser retomada em 1956, aquando da carreira de escritor de Hervé, com o nome artístico de Hergé). Hervé, tomado pelo pânico, flatula. Climi descontrola-se e cede à dúvida. "aniki bobó..." - começa... "Ah, bóbó", recorda e decepa o membro viril de hervé.
Hervé não chora, um herói não chora - pensa. Talvez só um bocadinho porque dói imenso. Pensa na estepe, pensa na princesa que vivia na colina e que o amava embora isso fosse errado. Recorda que, debaixo da sua sela, no seu pónei - transportava para fazer bife tártaro - um frasquinho com células estaminais retiradas do seu cordão umbilical. Iria fazer um novo membro viril.
No entanto, o destino surpreende-nos. O frasco partira-se e as células estão misturadas com cocó de pónei. O leitor certamente recordará que Tatoo mancava ligeiramente. Tal era devido ao facto de que o seu pénis não parou de crescer ao longo das doze séries, tendo que ser novamente amputado em 1983, pois ganhara vida própria e insistia a balançar entre árvores sufocando o nosso herói. ( referências muito veladas a William Burroughs e a Edgar Rice Burroughs, sem relação de parentesco e escritores de Naked Lunch e Tarzan, respectivamente ).
Chegados a Kuala Lompur, o governante da cidade, King Koala, recusa-lhes a entrada por causa de umas contas antigas de climi. Este invoca mais uma vez Godzilla, que acaba por ir destruir Tóquio. Os nossos heróis fazem o cerco da cidade durante dez anos. No décimo ano, Tatto desafia o herói de Kuala Lompur: Mogli, o menino selvagem.
Lutam duramente e Tattoo, mais selvagem do que o menino, esventra-o barbaramente. O povo, assustado chama-o de makassop: traduzido como "o animal cruel que esventra meninos selvagens com as mãos". King Koala refugia-se em Santa Helena até partir para o exílio na Austrália. Só voltará passados seis meses, adquirindo residência na Córsega.
Tattoo decide destruir a cidade. Hoje chama-se bangcock.
posted by Ricardo Salazar at 10:55 AM 1 comments

A Nanicopeia ou a Anãoníada




De Plane
Herve...why?
Why, oh why...did you die?
Why did you die?
Herve! You!
You stupid midget, you!
...Stupid midget, you!
...Stupid midget, you!
Herve Villechaize
Herve Villechaize
Herve Villechaize
Herve Villechaize...
Ricardo! Ricardo!
Ricardo! Ricardo Montalban!
Ricardo Montalban!Ricardo, why?
Why, oh why...why did you let him die?
Why did you let him die?
Boss, Hey Boss!
Boss...where is the plane?
Am I really insane?
Now I don't feel any pain.
'Cause I'm resting in my grave.
And the worms are eating my brain.
Isn't that a shame?
'Cause there is no more plane.

Copyright © 1996 Meshugenah
Muitos conhecem Hérvé Villechaize como o homem das torres de controle da Ilha da Fantasia, um dos primeiros paraísos fiscais conhecidos pelo homem. No entanto, a sua vida é plena de fantasia e feitos maravilhosos.
Nascido numa ilha num bairro social de gurk, no seio de uma família de cossacos em 356 A.C., Hervé cedo se notabilizou a ser o primeiro cossaco sem capacidade para dançar com sabres. Expulso da sua tribo, foi contratado pelas hordes mongóis que o confundiram com um lugar tenente de Átila.
Bastante hábil na condução de pónei e em x-acto, saqueou toda a europa central a caminho de Clemont-ferrand, voltando atrás apenas para dar um beijo à sua mãe e saquear, destruir e queimar a sua aldeia natal, reduzindo os seus vizinhos à total escravatura.
Os chefes de clãs circundantes de estepes próximas intervieram para impedir que Hervé violasse as mulheres e os cães, de forma a evitar a primeira pandemia da gripe das aves.
Por essa razão, ganhou o tique de olhar para o céu e berrar: "deplane! deplane!" como uma referência velada ao supremo deus no panteão cossaco-nanico, que possui o nome indicifrável de borgamautusosviegas.
Nessa mesma noite, numa tacinha de leite teve uma primeira visão: tudo estava enevoado como se tivesse cegado e os seus olhos estavam pesados. Chamado Ignobir Matias, o sábio sábio, mestre cossaco certificado na interpretação de visões, indicou-lhe que seria melhor lavar a cara antes de deitar de forma a impedir remelas.
Nas três noites seguintes, não pregou olho. Sentia fortes dores nas costas como se dormisse em cima de vidros. Chamado o Mestre Vidrijj Raj Mpullah Matias, homem santo tm, e depois de analisado o leito do diminuto líder, foi indicado que seria melhor fazer a cama de lavado. Hervé tinha estado a comer bolachinhas com pepitas de chocolate três noites atrás.
Passados dez dias recebe a visita daquele que viria a ser o seu upgrade nas lutas marciais: Eládio Clímaco. Clímaco, nome verdadeiro Orgas Monumental Silva, grego nascido em haifa, na argélia, era mestre pela universidade do rodão na luta com microfone ( na foto modelo ZH 33 ).


Com um curriculum invejável, invadira a europa numa campanha militar mais sangrenta que a guerra dos 100 anos mais a guerra dos 30 anos: os jogos sem fronteiras que duraram 98 séries televisivas, sendo tão influentes que faziam com que às nove da noite não se conseguisse encontrar um Afrikacorpse fora da sua toca, durante a batalha de Al Alamein.
Climaco olhou para o seu pupilo e disse: "ainda és muito jovem! vous étes trés jeune! you are trés young!"
Hervé, com o seu coração de rola partido, retorquiu: "tenho 237 anos, como é que é que posso ser muito jovem?"
Climi - " não quero saber, ainda vestes roupa da petit patapon, como os miúdos do cruz, a votação do júri da Guarda, por favor!"
Hervi - "ah! eu sou é um anão! ( e tu pareces-me muito pouco esclarecido para um mestre)."
Climi - "Sendo assim aceito-te, com uma condição: sempre que estivermos juntos em público sou teu tio, ok?"
Hervi - "ok, onde é que assino?"
Climi - "Aqui...Uhhh"
Nessa noite, quando a ursa menor foi ao diap contar tudo que sofrera nas mãos de bibi, da constelação de cassiopeia, as estepes floresceram em nonitas flores floridas ( sic ). Haveria um amanhã, tara...

( infelizmente continua )
posted by Ricardo Salazar at 10:01 AM 0 comments

Quinta-feira, Setembro 15, 2005
Titãs aquáticos de Outrora: Patrick Duffy Vs. David Hasselhoff
Estávamos em inícios de Fevereiro de 1978. Crise Energética global e Portugal está sem pilhas, mulheres dos militares fazem manifestação. Mário Soares ainda não sucedeu a Ramalho Eanes enquanto monarca português e prepara golpe de estado na Marinha Grande e Otelo espera. Calimero é detido com cocaína em Palermo e envolve Papa João Paulo I que se retira de cena. Franz Groenewald, o primeiro Mickey Mouse, falece num acidente ao volante do seu porche 911, em Monte Carlo. Os Abba lutavam contra os Sex Pistols na pista de dança e no fundo dos oceanos submergia um duelo de titãs nunca antes visto!!!
Patrick Duffy
Vs
David Hasselhoff
A afronta deu-se no clube náutico de Leça. Patrick, a rodar o"Homem da Atlântida" está a sair de água. No cais está David. Patty está húmido e tem sangue na guelra, próprio da juventude. David está a tentar deixar o Knight Rider, contratando um jovem advogado chamado D. Ferreira, especialista em pesca submarina a leões marinhos. Passam um pelo outro e David estende a mão... Patty tenta responder ao cumprimento mas a sua mão tem escamas fazendo com que o aperto não se concretize.
Estão jornalistas da IOLA ( préCARAS ) na doca e reparam que David escorrega caindo ao mar. Começa a berrar como uma menina e é salvo por Namor que tinha vindo a terra visitar o seu namorado Capitão Igloo, o oficial laureado do benfica depois de eusébio e antes do capitão simão.
Está a caldeirada entornada e partem para a sardinha, David agredindo Patty com uma solha, que reage lento como um lavagante. Patty agarra-se a David como uma lapa e este chama kitt. Aparece Luis Filipe Vieira, com 14 anos coberto de óleo de travões. Mantorras já vale 100 escudos ( equivalente a 10 milhões de euros actuais ) e joga nos séniores dos Ferroviários do Mussulo. Patty diz que está farto de ser otário e que o David não pense que está a lutar com o Bobby Ewing.
Sandokan aparece e corta os testículos de Patty e enche a boca de David com eles. Em seguida arranca os intestinos a David pelo anûs e vai-se embora para Mompracem.
Viva o Tigre da Malásia!!!!
posted by Ricardo Salazar at 11:07 PM 1 comments

Os 10 melhores Discos de sempre!




Ora aqui está um bom motivo de escrita!
Coloquem os vossos 10 melhores Discos de sempre.

Aqueles Álbuns que mudaram a vossa juventude, que fizeram namorar com aquela/e, que quebraram e depois se arrependeram, que juntaram os tostões para o comprar, aquele que tanto gostavam e o vosso amigo ficou com ele (se apanho o gajo que me ficou com o...), etc, etc, etc.

Não se esqueçam de uma coisa, o Álbum mesmo bom, não vale só pelo single.


Aqui vai a minha lista:

1º Nirvana - Nevermind
2º Pixies - Doolittle
3º Jane´s Adiction - Live
4º Smashing Pumpkins - Mellon Collie and the Infinitive Sadness
5º Dinosaur Jr - Where you been
6º Red Hot Chili Peppers - Blood Sugar Sex MAgic
7º Queens of the Stone Age - Songs for the Deaf
8º Mudhoney - Superfuzz Bigmuff
9º The Chemical Brothers - Dig your own hole
10º Singles - banda sonora do filme "Singles"



...sei que 10 é muito pouco mas...

...é a vossa vez!
posted by Dr. Mini Snacks at 7:33 PM 10 comments

Rádio Saudade ... Sandra
Recordamos Sandra, cantora alemã, intérprete do mega hit "Maria Madaglena"que será reeditado em versão remix 2005 por Fatboy Slim para promover a banda sonora da versão cinematográfica do "Código da Vinci".
A versão original, editada em 1985, atingiu o primeiro lugar em 6 países europeus e entrou no top 250 de 632 países em todo mundo, recorde apenas batido por "Let´s get it starded" dos Black Eyed Peas que beneficiaram da independência de Timor Leste.


A canção, escrita por Miguel Cretu, namorado de Sandra na altura dos acontecimentos, é uma ode ao amor carnal e ao seu confronto com a feminilidade telúrica de uma jovem alemã que namora com um romeno que fazia parte dos Enigma, em meados da década de 80 do século passado.
Pela análise das palavras encontramos um desejo que permanece irrealizável mas que se obedece fiel à sua própria natureza.
A personagem principal, uma jovem chamada Maria Madalena*, é muito ardida e gosta de coisar. Possui instrução básica, tendo dificuldades em se expressar, daí a sua tendência para a repetição do refrão ( refrain, para quem não sabe inglês, é "refrear") até à exaustão.
Leia-se / sinta-se / interiorize-se:
"You take my love
You want my soul
I would be crazy to share your life
Why can't you see what I am
Sharpen the senses and drawn the knife
Hold me and you'll understand

Refrain:
I'll never beMaria Magdalena(You're a creature of the night)
Maria Magdalena(You're a victim of the fight You need love)
Promise me delight(You need love)

[Refrain]

Why must I lie
Find any prize
When will you wake up and realize
I can't surrender to you
Play for affection and win the prize
I know those party games too

[Refrain]
[Refrain]
[Refrain]
[Refrain]
[Refrain]"

Repare-se que toda a construção linguistica evolui para um crescendo de desejo e ansiedade. A personagem principal morre, após o clímax - 3´22´´ - pois o seu corpo - porque humano - não aguenta mais o delírio provocado pelo prazer carnal.
Os seus rins explodem ( note-se efeito sonoro discreto em infra sons que poderá colocar o seu cão a ganir ) aquando da exclamação "I know those party games too" como quem diz: "isto agora é que foi!"

O refrão, é uma representação amplisexual do teatro grego, com sucessivas chamadas e respostas, mas revisto numa perspectiva judaico-cristã com pinceladas de tentação de Santo Antão.
"Promete-me delírio" - Ela diz. "Precisas é de amor" - dizem eles, como se soubessem tudo.

* nome fictício

Nota biográfica:

Sandra ( nascida Corinna Hitlereichstaggfuhrer em 1945 ), cantora menor na descendência da grande nina hagen e nena balão. Filha de Ute Lemper e Falco Lemper, morreu em 1987 decepada por um pit bull na Feira de Colónia-sobre-o-Rur, sendo substituída para os compromissos assumidos na temporada do Casino no gelo de Munique, pelo seu irmão transsexual, Karl Lemper, que em 1991 destranssexuou e agora está nos Rammstein como o tipo que trata do fogo.
posted by Ricardo Salazar at 1:00 PM 16 comments

Quarta-feira, Setembro 14, 2005
The Moondog Story Part I - Begginings



posted by Ricardo Salazar at 12:54 PM 3 comments

The Moondog Story Part II - New York



posted by Ricardo Salazar at 12:46 PM 0 comments

The Moondog Story Part III - Radioland



posted by Ricardo Salazar at 12:36 PM 0 comments

Moondog´s Corner
É aceite por todos que o RADIO é fora do normal, mas poucos sabem que é paranormal.

Esta noite, vamos ser visitados pelo espírito indestrutível de Louis Hardin aka
Moondog, the Supreme master of the viking banshee jazz howling.
Será um serão para jazz e poesia beat. Para be bop e para as ondas de rádio. temas longos e que não se ouvem por aí.
Some New York corner into the night.
posted by Ricardo Salazar at 11:51 AM 3 comments
Contributors
Ricardo Salazar
eduardo
ZR
Ayatollah_Baloni
Mig_Piranha
Dr. Mini Snacks
retroparadise
Rodrigo
Links
O Comércio do Porto
A Baixa do Porto
Amerika
Atari666
Avenida dos Aliados
Ayatollah-baloni
db musica
Mouco
Os Caracois da Marina
O Puto
cdgo
Clandestino
Previous Posts
OH YEAH!
Quando as Mulheres dominam os Pratos!
Pet hates
Police on my back
In Memoriam
A Nanicopeia ou a Anãoníada: A Princesa Mogway
A Nanicopeia ou a Anãoníada: Os Adversários
Is the motherführer back?
A Nanicopeia ou a Anãoníada: Os anos formadouros
A Nanicopeia ou a Anãoníada
Archives
Março 2005
Julho 2005
Agosto 2005
Setembro 2005

Gil Eanes disse...

¿¿¿¿??????

O Puto disse...

Parabéns pelo artigo! Bem merecido, por sinal. Só não sabia da novidade relacionada com a cozinha japonesa. É verdade?

AloiseCorbaz disse...

porto? where is Porto?